Insônia

Você também pode escutar este poema!

A noite foi mal dormida, o sono me encontrou tarde.
Acordei cedo e o dia foi cansativo, hoje durmo rápido.
Dez da noite, daqui a pouco vou deitar.
Só tenho que terminar isso e ver aquele vídeo.
Boa noite mãe, também tô indo pra cama.
O evento acaba hoje? Tô entrando agora!
Boa noite rapaziada, também tô indo nessa…
Já é quase meia noite e amanhã é um dia cheio…
Tanta coisa pra fazê, tem pouco tempo no dia
Ainda quero lançar aquele vídeo, ler esse livro
Pera, deixa eu ver essa notícia
Vou manda mensagem pra ela antes que eu esqueça
Tudo acontece tão rápido, não tem porquê perder tempo
São quase uma e ainda não fui lá, tô focando no que?
Bem pensada essa frase, deixa eu anotar.
Nossa! Minha bancada tá uma bagunça…
Amanhã eu arrumo.
Já tinha esquecido, preciso dormir!
Se eu continuar acordado, eu tô ferrado
Que isso?! Duas da manhã e nem fiz nada, aonde eu tava?
Mas me deu aquela fome, vou faze uma pipoca
Deixar passando um episódio ou ver aquele documentário?
Vou escovar os dentes e lavar meu rosto…
É, o sono tá vindo, deixa eu desligar tudo aqui
Pronto! Deitado pra dormir e ainda não deu três!
Meu corpo imóvel e a mente sambando…
Dorme logo!
Essa posição tá meio estranha
Aquilo que eu falei pegou meio mal…
Dorme logo…
Será que a bolsa sobe mais?
Preciso terminar o meu relatório
Não posso esquecer disso
E também de cobrar o Zé…
Inspira fundo e solta
Conta devagar, dez… Dorme logo… Nove… Oito…
Que horas são? Pera ai,
Já vai dar quatro da manhã.
É assim que eu não durmo…
Eu tinha que ter ido deitar mais cedo
Mas amanhã vai ser diferente
Vou beber uma água e depois deito de novo,
Pior que o sono tá passando…
E essa madrugada tá linda, e a cidade em silêncio…
Pra mim isso é inspirador!
Tem gente que já tá acordando,
Pegar busão as cinco e meia é tenso
E eu, quase cinco, ainda penso
Mas ok, agora vai! Dorme…
De qual filme é essa cena mesmo?
Esquece, depois eu penso nisso
Pra dormir… tem que fingir que tá dormindo
Estranho isso né? E as vezes impossível
Tinha que ser tipo um liga e desliga
Sono profundo, sem esforço
Tanta informação, que nem me fecha o olho
A cor do céu tá até mudando
Se eu continuar acordado por mais meia hora, eu levanto!
Tá loco, hoje não tá dando
Faço um café e toco o dia em frente
Hoje tem relatório, ler aquele texto
Ir ao mercado, comprar cebola…
Realmente, assim não dá pra dormir
A claridade já tá vindo,
E não preguei o olho
Vou levantar,
Bom dia.

Página do Facebook
Instagram
Castbox

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s